Mudanças: “Dança das cadeiras” no governo Joaquim Neto

 Mudanças:  “Dança das cadeiras” no governo Joaquim Neto

Imagem Ilustrativa.

Compartilhe
Pub - Inferior notícias

Conforme anunciado por Joaquim Neto, reeleito como prefeito de Alagoinhas mudanças estão sendo realizadas para o próximo governo de 2021.

Durante entrevista realizada logo após os resultados das eleições 2020, no programa Poder da Notícia, perguntado sobre possíveis mudanças no governo, Joaquim foi claro em afirmar que faria mudanças no novo governo que se inicia em 2021.

A primeira mudança anunciada oficialmente na sexta-feira (30) pelo prefeito foi à exoneração do secretário de Educação Jean Afonso, que dá o lugar para o secretário Gustavo Carmo que deixa a secretaria de Governo para assumir a pasta.

Outra mudança realizada dentro do governo foi o retorno da então vice-prefeita Iracy Gama para a secretaria de Cultura, Esporte e Lazer (SECET).

Na manhã desta quarta-feira (2), foi realizado o anuncio de mais um nome para compor o secretariado a partir de 2021, Ludmila Fiscina assumirá, no dia 1º de janeiro, a Secretaria Municipal de Assistência Social.

Ludmila tem 12 anos de experiência no serviço público e subsecretária da pasta desde 2017, a futura gestora é formada em Administração de Empresas, especialista em Docência Superior, Gestão de pessoas e possui mestrado em Desenvolvimento Humano.

Ludmila também é docente titular da Faculdade Santíssimo Sacramento, dos cursos de Administração e Engenharia, há 17 anos e exerce funções como membro do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e do Conselho Afrodescendente.

O prefeito Joaquim Neto deixa claro que mais mudanças estão por vir no governo, ventilasse a saída do secretário de Serviços Públicos (Sesep), pasta que está sobre o comando de Lula Prata para dar lugar ao vice-prefeito eleito, Roberto Torres.

O governo não confirmou a mudança e nem descartou a possibilidade de Roberto Torres assumir o cargo a partir de 2021.

Outras mudanças citadas nos “corredores” da política são sobre a saída do superintendente da SMTT (Superintendência Municipal de Transporte e Transito), Major Alberto Menezes e do Procurador Jurídico do órgão Hilton Ribeiro, até o momento não confirmado.

Informações dos bastidores apontam que os “escolhidos” para os cargos da SMTT, serão indicados por Juracy Nascimento, o vereador mais votado na ultima eleição e de grande influência dentro do governo Joaquim.

Vamos acompanhar quais serão os próximos capítulos das mudanças…

Escrito por: Patrícia França

*Todos os comentários são de responsabilidade dos seus autores