Blitz educativa de enfrentamento ao coronavírus é realizada na Central de Abastecimento

 Blitz educativa de enfrentamento ao coronavírus  é realizada na Central de Abastecimento

Os profissionais realizaram abordagem a permissionários e visitantes, no local, com recomendações sobre medidas preventivas e cuidados necessários para reduzir a curva de contágio da COVID-19.

Compartilhe
Pub - Inferior notícias

Na sexta-feira (17), esquipes da prefeitura realizou inquéritos epidemiológicos nos bairros.

A ação de enfrentamento ao coronavírus ocorreu na Central de Abastecimento, com blitz educativa, aferição de temperatura, distribuição de máscaras e orientações à população.

Os profissionais realizaram abordagem a permissionários e visitantes, no local, com recomendações sobre medidas preventivas e cuidados necessários para reduzir a curva de contágio da COVID-19.

A blitz educativa foi realizada das 9h às 13h, e faz parte de uma ação que será desenvolvida em várias etapas, na Central de Abastecimento, visando à prevenção e detecção da doença infecciosa viral respiratória.

Segundo as equipes de saúde, estão previstas, além de orientações e medidas educativas, também acompanhamento pelos profissionais de saúde, avaliação, referenciamento para as unidades, implantação de ponto fixo de atendimento COVID, na Central, e testagem rápida de acordo com critérios epidemiológicos.

A secretária municipal de saúde, Rosania Rabelo, destacou que as equipes seguem mobilizadas e que o foco é cuidar das pessoas, facilitando o acesso aos profissionais da área, ampliando a identificação de casos da doença, referenciando para unidades de saúde pacientes sintomáticos, reduzindo as subnotificações, orientando e diminuindo os riscos de transmissão da COVID-19.

Rosalina de Souza, que trabalha na feira e recebeu as orientações da equipe de saúde, durante a blitz educativa, avaliou positivamente a ação. “Muito bom. Gostei. Essa doença é perigosa, então quanto mais reforço, melhor”, afirmou.

As equipes voltaram à feira, no sábado (18), para mais uma fase da ação de combate ao coronavírus, das 9h às 13h. Com apoio das demais secretarias e cerca de 40 profissionais envolvidos, a ação inclui a testagem rápida, que será realizada segundo os seguintes critérios: pacientes sintomáticos, após avaliação dos profissionais de saúde; circulantes – a exemplo daqueles que trabalham em outro município –; portadores de doenças crônicas e idosos.

A secretaria informou ainda que, na próxima semana, novas fases da ação de enfrentamento à COVID-19, na Central de Abastecimento, serão realizadas. A iniciativa prevê também dias específicos exclusivamente voltados à testagem para permissionários da Central. As datas e horários serão divulgados através dos canais institucionais.

*Todos os comentários são de responsabilidade dos seus autores